quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Hoje...


Em dias como hoje, a solidão se mostra palpável pra mim...
Forçosamente, diria que até posso tocá-la....

6 comentários:

Priscila Rôde disse...

Que bom que pode tocá - la. Se ela insitir em ficar por muito tempo, tire - a daí.. rsrs
Beijos

R.Vinicius disse...

Oi. E tocá-la não seria bom? Talvez seja essa a busca do ser: Aprender a solidão. Abraço.

P.s: Vi o filme "Não por acaso" gostei muito, principalmente porque gosto da atriz Leticia Sabatella. O ator que faz o Ênio estava muito bom. Estou pensando em escrever uma resenha sobre o filme. :)

Denise disse...

Sinta-a e aprenda q ela pode ser boa........tenho adorado estar comigo.....é um longo aprendizado para se gostar mais e mais.

beijocas

Francisco disse...

Amanhã é outro dia, minha amiga!
Talvez a companhia que vc merece, se mostre mais palpável do que a solidão de hoje.
Um beijo enoooooorrrrmmee!

Namorada Girassol disse...

My dear,

Quando percebemos que podemos tocar a solidão...
é porque realmente nos reconhecemos sós.
Este é talvez o primeiro passo para estarmos junto de outros ou até mesmo conosco mesmos e, valorizar cada segundo de presença.
Quem sabe até a preparação final para o receber o de " melhor " que está por vir...

" A solidão nada mais é do que um breve ensaio para felicidade"

Um beijo Girassol para ti !

Rony Santana disse...

Curioso como algumas pessoas sempre associam a solidão à tristeza né???

Me pergunto até que ponto estar acompanhado significa necessariamente estar feliz???

Tudo bem, estar bem acompanhado é maravilhoso, mas experimentar a solidão, e dela ser companheira, pode nos conduzir a um estado de reflexão e auto-conhecimento indispensáveis a quem se entende dono de seu próprio destino e certo do que quer e do que precisa.

Podemos nos completar enquanto solitários sim; e podemos a partir dela, enxergar caminhos e alternativas que o "ruído" de um relacionamento frustrado pode causar...Bjão Drii!!!!!